Quem Somos

Depoimentos



Roberta Sirotsky / Mãe de International College
Porto Alegre, Brasil
" ¡Punta del Este para nós dois, sempre foi um lugar muito especial e marcou momentos únicos de nossas vidas!
Nos conhecemos em Punta em 2003, num feriado de Páscoa, nos apaixonamos e 2 anos depois fizemos nossa festa de casamento aqui.
Muitos e muitos verões vindo à Punta com as meninas desde bebês e elas cresceram com este mesmo sentimento de amor a este lugar.
O ano que conhecemos o IC, verão de 2018, foi decisivo para realizarmos o antigo desejo de um dia vir morar em Punta.
Ficamos impactados com o padrão de ensino e a estrutura que a escola oferece e decidimos experimentar.
Estamos muito felizes com a qualidade de vida que temos aqui, as boas amizades que fizemos, a receptividade da escola e super gratificados com o desenvolvimento e a felicidade das nossas filhas."


Clarice Debiagi / Mãe de International College
Porto Alegre, Brasil
"Punta del Este sempre foi um local que escolhemos para passear nos feriados e em pequenas férias. As experiências em Punta foram tão boas que compramos um apartamento e nos últimos 5 anos foi de verdade nossa segunda casa, um refúgio, um local para desfrutar, um porto seguro e cheio de boas energias.
O ano passado, como curiosos, conhecemos o International College. Saímos da escola com a sensação de que aquele sonho distante não era assim, tão impossível e nos propusemos fazer uma experiência de uma ano.
Estamos relativamente próximos da nossa cidade, podemos ir e vir para dar continuidade ao nossos trabalhos e ainda tentar desenvolvê-los por aqui. ¡Viemos!
Hoje como vivemos: como se em toda a semana tivéssemos um feriado, podemos aproveitar a praia, os bons restaurantes em uma dinâmica de cidade pequena, com segurança, com o tempo ao nosso favor. Temos as vantagens de uma cidade pequena e a sofisticação de um local cosmopolita.
Nosso filho além de agregar mais duas línguas (espanhol e inglês) a sua vida, está convivendo com crianças de diferentes culturas em um ambiente inovador e afetivo, este é o papel do International College. Proporciona um ambiente que recebe não só o aluno mas suas famílias.
Pouco a pouco observamos nascer uma nova comunidade, não somente composta por nossos anfitriões uruguaios, mas por pessoas de todo o mundo. O que elas têm em comum? Todos buscam uma vida melhor, uma vida mais tranquila e mais feliz."
 

 

Silvina Rojas / Mãe de International College
Buenos Aires, Argentina
“Há muitos anos frequentamos Punta del Este, algumas vezes por trabalho, outros para descansar em família. Sempre tivemos claro que a qualidade de vida e a tranquilidade do lugar eram muitos diferentes ao que estávamos acostumadas.
No ano de 2016, depois de um episódio em que nos sentimos inseguras, não tivemos dúvidas e escolhemos Punta del Este como o lugar ideal para criar nossas filhas.
Com a decisão tomada começamos a árdua tarefa de buscar uma instituição educativa que possuísse as ferramentas adequadas para receber nossa família homoparental que já iria passar por uma ruptura e um período de adaptação a um novo país. Para nós, portanto, não se tratava de uma questão meramente acadêmica, buscávamos apoio, o que já observamos na primeira reunião que tivemos no International College. Neste dia não conseguíamos encontrar o colégio (foi setembro de 2016 e estava em obras) e liguei para avisar que chegaríamos tarde para a entrevista. Quem me atendeu foi Elena (Diretora do Ensino Médio), que me disse, rindo: “mas menina, tu estás de carro, eu vi vocês passarem 5 vezes pela porta!
Quando finalmente chegamos ao colégio e sentimos a forma carinhosa que fomos recebidos por Iara, Elena, Pedro e Belén já estávamos convencidas de que IC era a instituição educativa certa para nossas filhas.
Depois de algum tempo fazendo parte da comunidade de IC estamos seguras de que não nos equivocamos. Hoje, uma vez mais, estamos diante de uma mudança...E realmente o único que podemos dizer é MUITO OBRIGADA, a todos e cada um dos integrantes de IC que souberam deixar uma marca indelével em nossa família, especialmente em nossas filhas, que aprenderam que o acadêmico é muito importante, mas que É possível aprender brincando, e assim se aprende muito melhor. Elas tiveram a oportunidade de conviver com crianças de diferentes nacionalidade e raças. Essas são memórias que essa família levará por toda sua vida.”